Prisma Literário: Book Tag: Empoderamento Feminino Literário

Book Tag: Empoderamento Feminino Literário

Oie galeraaaa.
Esses dias me deparei com uma tag que está rolando em alguns blogs e só posso dizer que fiquei muito feliz com o tema, da última vez vi no Livros, Vamos Devorá-los e acabei resolvendo trazendo pra cá pois é um tema que sempre que eu puder, vou tentar abordar por aqui (para felicidade de uns e tristeza de outros). Espero que gostem da tag tanto quanto eu ;)



1 - Sororidade: União e aliança entre mulheres, baseado na empatia e companheirismo, em busca de alcançar objetivos em comum. Um livro com duas personagens femininas que são muito companheiras.
É impossível não pensar em A Cidade do Sol quando se fala em duas protagonistas fortes unidas. Foi sem dúvidas um dos livros mais fortes e agonizantes que li na vida. Khaled consegue nos deixar felizes, tristes, ansiosos e mais uma série de sentimentos.

2 - Empoderamento: Processo de aquisição de ferramentas para combater nossas opressões. É quando nos tornamos mais fortes para desconstruir os papéis que nos impõem e para lutar por equidade. Personagem empoderada em um romance de época.
Jardim de Espelhos foi o único romance de época que li até então, e coincidentemente, retrata a história de uma personagem absurdamente forte, que passa por muitas coisas e jamais deixa de mostrar suas garras. Um livro super querido para mim.

3 - Machismo: Tipo de opressão que a sociedade patriarcal produz contra mulheres. Ele se expressa de diversas formas, das mais evidentes até as mais sutis. Cite um livro com personagens machistas.
Não consigo não pensar em O Doce Sabor da Vingança quando se fala em machismo, principalmente por várias frases e atitudes do protagonista do livro, que conseguiu ser um dos mais machistas e babacas que já me deparei nos livros.

4 - Slutshaming: Quando julgamos uma mulher por ter comportamentos “de vadia”, o que quer que isso signifique. Basicamente, é quando se ojeriza uma mulher por dispor de sua sexualidade e de seu corpo livremente. Cite um livro que você julgou pela capa antes de conhecer a história.
A Garota que Tinha Medo não conseguiu me atrair nada pela capa, é uma das capas mais feias da minha estante, mas acabei dando uma chance por conta da sinopse. Se mostrou um livro absurdamente bom, real e que cheguei até mesmo a me identificar. O autor consegue mostrar realmente o que é ter medo e o que é ter um transtorno.

5 - Misoginia: Está relacionada a discriminação e violência contra as mulheres (cis ou trans), porém pessoas que não são mulheres, mas que foram designadas como mulheres ao nascerem (e que, pela leitura social cisnormativa, são lidas como mulheres) também podem sofrer com a misoginia. Um livro que aborde a violência contra a mulher.
No Escuro retrata de forma triste e cruel a violência contra a protagonista que passou por um relacionamento completamente abusivo, chegando até mesmo a ser caso de polícia. O livro é emocionante, prende do inicio ao fim, sendo uma leitura até difícil de engolir no sentido de mostrar uma relação tão triste e violenta.

6 - Culpabilização: Ser mulher em uma sociedade machista é sentir culpa por tudo: por não querer transar, por não estar arrumada, por ter sido estuprada, por estar em um relacionamento abusivo. A culpabilização é o processo de ser culpada por todas essas coisas (e por muitas outras). Um livro com um relacionamento abusivo.
Falando em relacionamento abusivo, não podemos esquecer de Amor Amargo, que infelizmente é um dos poucos que conheço que aborda o tema. Jennifer é uma autora incrível que conseguiu criar um cenário completamente real e possível, o que nos assusta bastante. Uma leitura obrigatória.

7 - Girl Power: Poder Feminino. Cite autores que são ótimos profissionais e criaram protagonistas incríveis.
Escolhi citar dois livros mais tranquilos e fofos depois de tantas recomendações com temas pesados. Ali Harris e Rowan Coleman são autoras incríveis com dois enredos que emocionam, nos faz rir, chorar e pedir muito mais, sem contar a narrativa de mabas que é maravilhosa.

8 comentários:

  1. Muito legal a idéia da tag, dos livros eu ão li o primeiro e é um dos mais marcantes pra mim,uma leitura maravilhosa

    ResponderExcluir
  2. Oii!
    Adorei a tag e ainda não a conhecia!
    Dos livros citados ainda não li nenhum acredita? Mas fiquei bem curiosa com os títulos! Adoro livros com protagonistas girl power!

    bjs
    https://blogperdidanasnuvens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?
    Adorei a tag, existem muitos (muitos mesmo) livros machistas disfarçados de feministas, tantos livros que já li que queriam deixar a protagonista parecendo ser emponderada e na verdade era totalmente o oposto. Achei super relevante a tag, já que levanta questionamentos sobre o tema de forma tão construtiva e o principal através dos livros.
    Não sei se você já leu algum livro da Chimamanda, mas sempre que leio sobre feminismo não tem como evitar falar sobre ela. Uma autora incrível e que traz personagens excelentes e fala muito sobre o feminismo (inclusive tem um livro de uma palestra que ela fez sobre o tema).
    Não li nenhum dos livros citados, mas quero ter a oportunidade de ler grande parte deles, devido as considerações que você fez sobre eles. Anotei várias dicas!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Adorei a tag e vou salvar pra responder naquele dia que eu ver ela nos meus rascunhos, porque é assim que me viro com tags kkkk. Adorei as perguntas e suas respostas também. Li A cidade do SOl na escola e amei muito. Tenho muita vontade de reler ele.

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
  5. A capa de A garota que tinha medo não é mesmo nada atraente, mas já vi elogios sem fim e, como o tema é muito importante, tenho vontade demais de ler. De todos os livros usados na TAG esse é com certeza o que mais quero conhecer.

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Eu sempre acho incríveis as iniciativas com TAGs, mas eu sempre digo, que eu queria ser uma pessoa disciplinada para fazê-las rs De todos que você citou, infelizmente não li nenhum.

    Bjs
    Blog Tell Me a Book

    ResponderExcluir
  7. Essa tag é sensacional, principalmente em tempos de empoderamento feminino. Bem criativa e apropriada para o momento que estamos vivendo.
    Tenho muita vontade de ler "Amor Amargo" e um outro livro famoso da Jennifer Brown.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Que tag lacradora!! Amei a tag, amei suas respostas <3 Não conhecia os livros mas já anotei alguns na lista e espero ler logo!

    Beijos,

    ResponderExcluir

LAYOUT E PROGRAMAÇÃO POR SHAIRA FOTO E DESIGN
imagem-logo