Prisma Literário: Últimos Filmes Assistidos #45

Últimos Filmes Assistidos #45

Olá pessoas que provavelmente estão de fériassss,
Como estão?
Espero quer aproveitando muito para colocar em dia as leituras, as séries e os filmes. Para aproveitar também, trouxe mais alguns filminhos que tenho visto nos últimos dias e que provavelmente você podem vir a gostar também. Como sempre, tento trazer vários gêneros para agradar todos, então vamos lá:


Sinopse: Charles (Hugh Grant) pensa ter encontrado a mulher de sua vida ao conhecer a bela e extrovertida americana Carrie (Andie MacDowell), mas algumas cerimônias de casamento e um funeral ainda irão trazer muitas novidades à vida do solteirão, sempre acompanhado de perto por seus leais amigos.

Desde que me tornei fã de Hugh Grant, tudo que envolve o autor eu quero ver e claro que não podeira faltar Quatro Casamentos &Um Funeral. Incrível como só o título já nos dá a base e nos deixa ansioso para os acontecimento já que sabemos que irá envolver casamentos e um funeral que não sabemos de quem. Para quem ama comédias românticas como eu, é um filme obrigatório, um prato cheio e muito essencial. O filme me fez rir alto em muitos momentos assim como também roer as unhas por conta do vai e vem. Com certeza um romance que nos dá aquela sensação gostosa após o término.




Sinopse: Elizabeth Wurtzel (Christina Ricci) é uma brilhante estudante, que tem planos de estudar Jornalismo na conceituada universidade de Harvard. Entretanto problemas familiares fazem com que Elizabeth entre em profunda depressão, o que coloca seus planos em risco. Aos poucos suas noites de trabalho, sempre regadas a drogas, e sua instabilidade emocional a afastam de Ruby (Michelle Williams), sua melhor amiga, e também de seu namorado. Decidida a procurar ajuda profissional, Elizabeth marca uma consulta com a Dra. Diana Sterling (Anne Heche), que lhe receita o antidepressivo Prozac.

Geração Prozac era um longa que sempre estava na minha lista mas que sempre enrolei muito para ver. Finalmente esse momento chegou e gostei do modo como a história foi conduzida de forma que parecesse que Elizabeth fosse uma amiga nossa, já que sua rotina é real e qualquer um pode vir a se identificar. O filme mostra um lado muito real da depressão, ainda mais em universitários pelo momento tão exigente da nossa vida. Apesar de esperar algo mais forte, gostei demais do longa.


Sinopse: Anos 50. Frank (Leonardo DiCaprio) e April (Kate Winslet) formam um casal feliz. Eles sempre se consideraram especiais e prontos para levar uma vida seguindo ideais. Ao se mudarem para uma casa na Revolutionary Road eles ficam orgulhosos por declarar independência da inércia suburbana que os rodeava. Porém logo eles percebem que estão se tornando justamente aquilo que não queriam ser. Frank está em um trabalho insignificante e tem medo de tudo, enquanto que April é uma dona de casa infeliz. Decidida a mudar a situação, April propõe que comecem tudo de novo, deixando de lado o conforto da atual casa e recomeçando em Paris. Só que, para executar este plano, eles chegam aos seus extremos.

Foi Apenas um Sonho foi um filme que eu havia iniciado um dia mas acabei desistindo por um motivo X. Logo minha amiga falou muito bem e resolvi tentar novamente, e nossa, com certeza é um filme marcante com atores marcantes que todos já adoram desde Titanic. Mais um filme que consegue retratar uma realidade de forma muito interessante por mostrar a rotina de um casal saturado e o quanto ambos lutam ao mesmo tempo que não aguentam mais. Adorei o tema e o forma como foi desenvolvido.


Sinopse: Claire Bartel (Annabella Sciorra) e Michael (Matt McCoy), seu marido, estão cansados de procurar uma babá. Até que Peyton Flanders (Rebecca De Mornay) se candidata ao emprego. Elegante, educada e dedicada, ela é simplesmente perfeita. Ela toma conta do bebê como se fosse seu, mas com o tempo, Claire começa a achar que Peyton está se comportando de uma maneira estranha.

A Mão que Balança o Berço foi com certeza um dos melhores suspenses que vi nos últimos meses já que praticamente não pisquei o filme inteiro. Já esperava bastante por ser um clássico e ouvir bastante comentários sobre, mas não esperava que teria personagens tão bem desenvolvidos como o jardineiro da casa e até mesmo a protagonista com sua obsessão fora de controle. Gostei muito mesmo do longa e apesar de ser algo bem típico dos filmes de suspense, de algum jeito, esse conseguiu me marcar e chamar minha atenção.



Sinopse: Numa noite chuvosa de 1946, o novelista Maurice Bendrix (Ralph Fiennes) encontra Henry Miles (Stephen Rea), marido de sua ex-amante Sarah (Julianne Moore). Maurice e Sarah tiveram um tórrido caso dois anos antes, até que, sem qualquer explicação, Sarah terminou o romance. O encontro com Henry reacende a obsessão de Maurice por Sarah, num misto de ciúme e desejo em reencontrá-la. Para tanto, começa uma investigação, para poder entender o porquê do rompimento do romance entre os dois.

Fim de Caso é um filme que resolvi assistir por ter a Juliane Moore e os filmes que ela atua, quase sempre me agradam muito. Foi o tipo de drama/romance que prende bastante mas que ainda assim é um tanto intrigante e até agora não sei explicar bem o porquê. O filme tem bastante drama e uma pegada de obsessão que nos deixa bem aflitos e atentos para o final, então vai encaminhando e prende de uma forma legal mas confesso que esperava um pouco mais pois em alguns momentos senti falta de um desenvolvimento maior do enredo.

Por hoje é isso, pessoas.
Espero que gostem das indicação e não deixem de dar uma chance para os filmes. Me contem se já conheciam, se já assistiram algum ou gostariam de ver. Não esqueçam das dicas de filmes.
Até maaais.

15 comentários:

  1. Filmes muito bons você assistiu!
    Geração Prozac e A Mão que Balança o berço são ótimos ♥

    ResponderExcluir
  2. Oi
    Desses filmes que você citou, só vi quatro casamentos e um funeral, que não gostei muito e a mão que balança o berço do qual amei e recomendo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oiee! Adorei suas indicações foram bem clássicas e de romance <3 e não assisti nenhum, acredita?

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?
    Você sempre assiste filmes bem interessantes. Ainda não assisti nenhum desses, mas Fim de Caso parece ser muito legal. Beijos <3

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bom?
    Não assisti nenhum desses filmes, o que mais me chamou atenção foi Geração Prozac, procurarei assistir. Adorei o post.
    Até mais o/

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Conheci o filme Geração Prozac por causa de um projeto,mas ainda não tive a oportunidade de assistir.
    Os outros filmes eu não conhecia,mas parecem muito bom.Vou adicionar na minha lista.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Quatro casamentos e um funeral e A mão que balança o berço são ótimos!
    Quero muito assistir Foi apenas um sonho, parece bom.
    Anotei as outras dicas.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Ainda não assisti nenhum desses, mas já os conhecia. Adorei as indicações.

    ResponderExcluir
  9. Olá, quantos filmes legais você assistiu! Eu ainda não vi nenhum deles mas fiquei curiosa com Quatro casamentos e um funeral (amo comédias) e A mão que balança o berço.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá! Menina, você está vendo uns filmes beeem antigos, né?
    Quando eu era criança eu morria de medo dessa mulher de A Mão que Balança o Berço. Cruzes! Eu nunca mais vi esse filme depois de adulta mas não faria isso para não perder aquele encanto de criança, sabe?

    Beeijos
    https://mementomoriporkzmiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Apesar de não estar muito na vibe para filmes românticos adorei suas indicações.
    Mas o que me chamou atenção mesmo foi o da babá hahahah, adoro um filme com um toque de suspence, terror, acho que vou procurar ele para assitir

    ResponderExcluir
  12. Já viu Letra e Música?! Eu sou apaixonada por esse filme, me diverti MUITO no cinema (e acho que até assisti duas vezes hahaha). Fiquei bem curiosa com Geração Prozac ("Elizabeth Wurtzel (Christina Ricci) é uma brilhante estudante, que tem planos de estudar Jornalismo na conceituada universidade de Harvard. " - podemos substituir Elizabeth Wurtzel por Rory Gilmore, por exemplo :P). Também fiquei bem curiosa com A mão que balança o berço (e que título maravilhoso!).

    Só senti falta no seu post de uma indicação de onde podemos assistir os filmes. Eles estão no Netflix? Net Now? Torrent? Dá pra assistir online?

    Beijoos,
    Um Metro e Meio de Livros

    ResponderExcluir
  13. Olá! Um monte de filmes antigos, né? rs
    Dos que voce citou, fiquei com vontade de ver o do Leo com a Kate e reviver a experiência de ver os dois juntos em cena. Fora que a sinopse, com um casal cansado, tbm chamou minha atenção.
    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Eu tenho assistido a poucos filmes, infelizmente. Mas quero mudar isso em 2018 e voltar a dedicar mais tempo a eles. Dos filmes que você citou, já assisti Quatro casamentos e um funeral, pois também amo o Hugh Grant. No entanto, tenho curiosidade de ver Foi apenas um sonho, pois amo o trabalho do Leonardo DiCaprio e da Kate Winslet e deve ser maravilhoso ver os dois juntos novamente.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Desses, adoro Quatro casamentos e um funeral. Alguns eu conhecia e não tenho vontade de ver, mas nunca tinha ouvido falar desse Foi apenas um sonho e me interessei demais por ele, obrigada pela dica!

    ResponderExcluir

LAYOUT E PROGRAMAÇÃO POR SHAIRA FOTO E DESIGN
imagem-logo