Prisma Literário: Resenha: O Amor Imperfeito - Sara Rattaro

Resenha: O Amor Imperfeito - Sara Rattaro

Sinopse: Um romance emocionante sobre as provas pelas quais o amor nos submete a cada dia Matteo ama a chuva, adora sentir aquele toque leve sobre a pele. É o único momento em que se sente igual às outras pessoas, em que deixa de se sentir deslocado por ter nascido surdo. Do ninho que é o lar, um passarinho foi embora, e Matteo compreendeu isso antes de todos; antes da mãe, Sandra; antes da irmã, Alice. Foi seu pai, Alberto, que bateu asas, porque decidiu fugir das suas responsabilidades. Só que Alberto tem uma família que precisa dele. Sandra, que sacrificou tudo pelo filho. Alice, a filha adolescente que está crescendo depressa demais. E, sobretudo, Matteo, que gostaria de gritar: “Papai, não vá embora.” Este é o momento indecifrável da vida no qual amor, culpa e perdão se fundem em um só instante. Esta é uma história que fala de todos nós, que fala de um amor grande e imperfeito.

*Livro cedido em parceria com a Editora Bertrand Brasil para divulgação.




Em O Amor Imperfeito temos a história de uma família. Matteo é o filho mais novo de um casal, e por quem a mãe tanto se esforça para que Matteo tenha uma vida linda e normal apesar do filho ser deficiente auditivo desde que nasceu. Alberto, o pai, é quem narra a história dessa família a partir do ponto em que Alice, a filha mais velha do casal, está sumida há algumas horas depois de ter visto uma cena que a desagradou.

No inicio, imaginava que a história seria completamente focada em Matteo mas logo a narrativa se volta para alguns anos antes de Matteo nascer e que explica o porquê Alberto fugiu de suas responsabilidade como pai, alternando entre passado e presente, o que nos faz ter uma conexão grande com Alberto e entender melhor o contexto. Não sabia de qual parte gostava mais, se era do passado de Alberto (descobertas da adolescência, paixão a flor da pele, dúvidas) ou se era do presente (mais focado em conflitos, responsabilidades, decepções e alegrias como adulto).

Sabe aquele tipo de leitura que você deseja assim que lê a sinopse? E ainda por cima, logo nas primeiras páginas, a autora consegue fisgar com sua narrativa tão delicada e real. O enredo tem uma realidade muito grande, o que nos faz pensar que essa história poderia ser do nosso vizinho ou do homem que acabamos de ver no ônibus. Havia momentos que eu queria apenas esquecer minhas obrigações para ler o livro de uma vez só pois a curiosidade palas próximas páginas era muito grande.

A conexão com os personagens se deu de forma rápida. Ao mesmo tempo que tinha o típico pensamento de raiva pelo Alberto já que o mesmo estava fugindo de suas responsabilidade enquanto a esposa se esforçava para dar o melhor, também me colocava no lugar dele e de cada um da família. O livro trás de forma muito verdadeira o conceito de "família" e de "monogamia", os defeitos e as qualidades de cada um desses conceitos. Senti uma grande empatia por toda a família e tenho uma grande paixão por esse tipo de leitura que explora cotidianos pois nos trás algo palpável e fundamentado na nossa contemporaneidade.

Com certeza a autora atingiu seu objetivo de emocionar os leitores e ao mesmo tempo mostrar o quanto é imprevisível a rotina de uma família e o quanto a rotina muitas vezes pode gerar a comodidade, o conflito mas ao mesmo tempo o tipo de amor que e compreensão que não se encontra em qualquer lugar e o quanto nos sentimos importantes de fazer parte de algo tão completo. São inúmeros pontos da leituras que me fizeram refletir sobre a família, o amor e o quanto estamos dispostos a nos doar pelo outro, o quanto somos ou não somos egoístas com aqueles nos cercam.

Sem duvidas uma leitura que servirá para muitos independente de estarem ou não numa relação, serem ou não casados, terem ou não filhos pois tem muito a nos acrescentar em diversos aspectos.

10 comentários:

  1. Olá, ainda não conhecia esse livro. Pela sua resenha, é uma leitura que eu gostaria de fazer. Gosto de tramas que envolvam famílias, dessas onde os personagens nos cativam por seus dramas.

    ResponderExcluir
  2. oi td bem? eu n conhecia esse livro achei a capa super fofa mas n senti vontade de ler, vou deixar passar a dica dessa vez. bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Não conhecia a obra e achei muito interessante,principalmente por ser narrada pelo cara que fugiu e deixou suas responsabilidades como pai pra trás... Interessante.
    Anotado a dica
    Nizete
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  4. Hey. Catharina!

    Apesar da capa linda, eu não me interessei por esse livro quando li a sinopse, achei que não iria gostar. Agora, depois da sua resenha, tive a confirmação de que não é mesmo o tipo de leitura que me atrai. Mas eu não me importaria em ter esse livro na estante só por causa da capa! ahahahahaha

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Parece ser uma história bem emocionante, do estilo que te leva a torcer pelos personagens. Gostei que tem um personagem com deficiência auditiva na história também.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Eu não conhecia, mas pela sua resenha dizendo que o livro emociona e faz tempo que não leio algo assim (tenho lido muito terror) anotei a dica, talvez eu leia em breve!
    Parabéns pela resenha!
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Que livro interessante. Achei a premissa muito boa e lendo sua resenha vi que a autora traz vários temas e a questão familiar pra muita reflexão.
    Certamente me agradaria realizar essa leitura.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  8. Família nunca é um tema fácil de abordar, dependendo do livro a leitura se arrasta. Esse parece bacana. Beijos e sucesso!

    Carolina Gama

    ResponderExcluir
  9. Oi Catharina!
    Eu não conhecia o livro, mas não consegui ficar muito interessada no enredo. Normalmente, eu gosto de histórias que tragam conflitos familiares, mas esse em questão não conseguiu despertar a minha curiosidade.
    Dessa vez, passo a dica.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá, gostei muito desse enredo, vejo os personagens como ponto alto do livro. Gostei muito do desenrolar da trama. Uma ótima leitura com certeza! Bjs

    ResponderExcluir

LAYOUT E PROGRAMAÇÃO POR SHAIRA FOTO E DESIGN
imagem-logo