Prisma Literário: Resenha: Confissões de um Adolescente Depressivo - Kevin Breel

Resenha: Confissões de um Adolescente Depressivo - Kevin Breel

Sinopse: Aos 19 anos, Kevin Breel tornou-se um fenômeno mundial com sua TED Talk. O mundo nunca tinha visto um garoto dessa idade falar sobre um tema tão pesado quanto a depressão suicida e com tamanha leveza, inteligência e consciência. Ele conta como um adolescente saudável e supostamente feliz, passou a lutar diariamente contra a depressão e o desejo de se matar. Este livro é um guia para sobreviver à depressão ou entender melhor quem a enfrenta na adolescência, escrito por alguém que atravessou a escuridão e agora lança mão do seu estilo único para trazer luz e esperança à vida de milhões de jovens e adolescentes.
*Livro cedido em parceria com a Editora Seoman para divulgação.







Confissões de um Adolescente Depressivo é a história do próprio autor quando passou por momentos de extremamente complicados durante a adolescência, e como o próprio título já diz, desenvolveu uma depressão. Eu até então não tinha ouvido falar do autor mas logo percebi que é pessoa influente e fiquei curiosa para saber mais sobre, ainda mais depois de saber pelos períodos tenso que passou.

O livro me chamou atenção assim que lançado por se tratar de um assunto que eu particularmente gosto muito de debater, saber mais e entender. Logo iniciei a leitura com altas expectativas e apesar de não ser o que eu esperava, foi uma leitura muito produtiva por me fazer refletir sobre assuntos que o autor se mostra indignado. O mais interessante foi poder me identificar com ele já que são os mesmos assuntos que conseguem me deixar mal ao pensar demais. Então tive uma grande identificação com  alguns valores que Kevin apresentou durante a narrativa.

Temos o tipo de narrativa que prende e também nos faz se sentir conectado com o autor, nos faz ter empatia e colocar-se no lugar dele para tentar entender o que a depressão, tristeza e outros tipos de sentimentos significam para cada um de nós. Cada pessoa tem sua história, seus momentos e é incrível pensar como podemos fazer e sentir coisas a partir disso.

Me senti intima do autor em alguns momentos por me dar conta o quanto sabia das inseguranças, medos, tristezas que ele passou por motivos X e Y. Ver também que o autor não ficava só mal pelos próprios sentimentos mas também por ver a situação do mundo, nos faz ver o quanto a vida em geral, a sociedade e o próximo afetam diretamente nossa vida. Assim como o autor, me sinto deprimida ao ver o quantas pessoas passam fome, o quanto uns tem muito e outros poucos e o quanto sou impotente para mudar isso.

Só posso dizer que a leitura foi imensamente satisfatória, rica em sentimentos e acredito que para pessoas que já passaram ou passam por depressão, deveriam tentar a leitura pois a chance do leitor se sentir acolhido assim como me senti, é grande. E com certeza a história e superação do autor ficarão marcadas nos meus pensamentos.

21 comentários:

  1. Olá! Tudo bem?
    Estou com esse livro na minha lista para ler, amei saber um pouco mais sobre ele. Gosto demais de leituras assim e ele está aqui só esperando chegar a vez de ser lido.
    Beijos.

    www.meumundosecreto.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá!! :)

    Eu confesso que nunca tinha ouvido falar dete livro mas fico contente que tenhas apreciado tanto a leitura, e que esta tenha tanto sentimento!

    Ainda bem que o autor foi um sucesso ainda tao novo, ao passar todas essas vivencias e historia de ultrapassar!

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.wenode.com

    ResponderExcluir
  3. Oiii tudo bem?
    Esse realmente parece ser um assunto bem sério tratado na obra, depressão normalmente me abalam ao máximo quando leio um livro desses e fico dias digerindo vagarosamente, sua resenha ficou ótima e achei a capa bem caprichada.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Apesar de conhecer o livro, não o li ainda. Achei legal ele vim contar sua experiência de um problema que está afetando tantas pessoas no mundo. Talvez por isso tanta empatia pelo enredo.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  5. Oi,
    Ainda não tinha lido sobre o livro, e só de ler a sinopse eu não me interessei muito, mas quando li suas impressões e todo o sentimento que o livro te causou, eu realmente fiquei interessada.
    Anotei a dica.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá não conhecia o título, gostei de conhecer um pouco sobre a história, acredito ser um livro especial, beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oi. Eu gosto de ler sobre a temática, mas me apego mais aos livros técnicos, acho que esse tem uma proposta válida para adolescentes

    ResponderExcluir
  8. Olá! Ainda não conhecia o livro e fiquei bastante curiosa para descobrir mais sobre a história. Muito boa sua resenha, vou anotar a indicação. Espero ler em breve, bjo

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia o livro, mas fico feliz que você tenha gostado tanto da leitura, mesmo não tendo sido exatamente o que você esperava.
    Confesso que, ao contrário de você, eu fujo um pouco de livros com esse tema, porque sempre fico mal depois de ler. Mas, por tudo que você falou, dá para ver que ele trabalhou o assunto de uma maneira muito interessante e que faz o leitor realmente refletir. Tenho certeza que deve ser uma ótima leitura.
    Dessa vez vou passar a dica, por ser um assunto que eu evito, mas adorei sua resenha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Olá, já vi pessoas que definharam por causa da depressão e com certeza é ter o relato do próprio autor serve com lição e inspiração para que as pessoas aprendam a lidar melhor com esse que já é o mal do século. Bjs

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bem?
    Que lindo esse livro. Li recentemente um outro livro que também aborda esse tema e confesso que em alguns momentos a leitura chegou a ser dolorosa. Suas impressões sobre esse livro me deixaram curiosa e por ser um tema bastante comentado no momento a leitura torna-se quase obrigatoria.
    Dica anotada
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oi! Não conhecia o livro, mas acho uma ótima oportunidade para conhecer mais a fundo sobre o tema. Muita gente ainda acredita que é frescura, ou coisa de quem não tem o que fazer, por isso estamos longe ainda de fazer com que levem a sério e possam ajudar de forma mais significativa.
    Dica anotada :*

    ResponderExcluir
  13. Não sabia desse livro! Minha sogra tem depressão e não é fácil! Eu gosto muito de aprender sobre esse assunto porque nos permite entender melhor o que acontece com quem tem isso. Não conhecia a história e o autor mas me interessei muito!

    ResponderExcluir
  14. oi, Cath...nunca tinha ouvido falar do autor até este momento...
    achei interessante ele colocar a vivência dele na obra... algumas pessoas podem se identificar, assim como ocorreu a você em alguns momentos da leitura...
    bjs...

    ResponderExcluir
  15. Acabei não me atraindo pelo livro porque não sou o público-alvo, mas achei bem bacana que exista um livro assim, sobre um assunto tão delicado, numa linguagem acessível a adolescentes. Isso é bem importante.

    ;*

    ResponderExcluir
  16. Olá, não conhecia a obra, acho que é uma leitura excelente para determinado tipo de público alvo, não sei se para mim.

    Adorei a resenha, parabéns!

    Super beijo

    ResponderExcluir
  17. Olá, eu não conhecia o autor e nem o livro e apesar de não ler muito livros do gênero parece que este esta bem bacana e trás uma boa perspectiva sobre o tema.

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Esse livro me chamou a atenção por conta do título.Mas,ao saber que se trata de uma auto-biografia, desanimei. No entanto, sua resenha me deixou animada. Gostei!
    Nizete
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  19. Deu para sentir como foi uma leitura que lhe agradou e foi relaxante de ler pela sua resenha, eu não conhecia o livro, mas no momento não me vejo lendo ele, quem sabe futuramente.

    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Catharina, não li muitos livros que abordassem depressão, mas gostei da ideia desse.
    Fiquei interessada na leitura, pois parece ser bem escrito.

    ResponderExcluir
  21. Oi Cath,
    Nunca tinha ouvido falar do autor, mas histórias de superação devem ser sempre compartilhadas. Acredito que ele deve ter muita coisa importante pra ser dita. Gostei.
    Beijos,
    André | Garotos Perdidos

    ResponderExcluir

LAYOUT E PROGRAMAÇÃO POR SHAIRA FOTO E DESIGN
imagem-logo