Resenha: O Verão em que Tudo Mudou - Gabriela Freitas, Thaís Wandrofski e Vinícius Grossos

12:10

Sinopse: A vida às vezes guarda inúmeras surpresas. Sem avisar, ela muda de direção. Na hora você não entende, já que “tudo parecia estar bem”. Então percebe que havia sinais.... um sentimento, uma lembrança, um fato que parecia bobo, mas não era... É quando a gente entende que todo o caminho estava errado, que nada fazia muito sentido. Pelo menos, pra você. Fred sente-se absolutamente comum diante de um mundo com tanta gente especial. Lavínia, ao alcançar aquilo que parecia um sonho, algo pelo qual tanto lutou descobre que a nova conquista nunca foi realmente um desejo seu. E Sol, sem perceber, vive sempre à espreita, desconfiada, em constante alerta, tentando controlar tudo ao redor, na esperança de não se ferir novamente... Mas que controle podemos ter diante de tudo? Três jovens, de cidades distantes, com diferentes realidades, descobrindo o mundo a partir de suas próprias escolhas: complexo, difícil, libertador.Três histórias que se cruzam, no exato momento em que se coloca, diante de cada uma delas, uma exigência capaz de definir algo para o resto de suas vidas.
*Livro cedido em parceria com a Faro Editorial para divulgação.

O Verão em que Tudo Mudou é composto por três contos, o primeiro por Vinícius Grossos: Quando Infinitos se Encontram - um conto de natal, o segundo escrito por Gabriela Freitas: Mantenha-se Viva e o terceiro por Thaís Wandrofski: Pôr do Sol. Todos narrados em primeira pessoa e todos se passam exclusivamente no verão e claro, todos consistem em uma história de amor.

Quando Infinitos se Encontram, é narrado por Frederico, um menino que trabalha numa livraria que adora e pelo jeito, é a unica coisa que realmente gosta em sua vida. Sem ambição e sem sonhos, Frederico segue seus dias cada vez mais desmotivado. É véspera de Natal e sua família, assim como ele, não está nada animada pois não se comemora mais o Natal desde que seus avós morreram. Quando está fechando a livraria, Fred se depara com uma garota implorando para devolver um exemplar de O Pequeno Príncipe e a partir daí, Fred começa a ter seu coração mais aquecido.

Vinícius Grossos tem a capacidade de nos conectar com o protagonista quase instantaneamente, até porque quem aqui nunca se sentiu desmotivado na vida? Frederico é um personagem bem construído e com pensamentos que nos fazem refletir por tempos mesmo após o fim da leitura. A história me prendeu e com certeza me fez querer mais, além de torcer imensamente para que Frederico chegasse ao fim da história com mais felicidade e determinação. Valentina, a garota que aparece na livraria, é uma personagem totalmente fofa e que rouba a cena, além de inteligente é empática e marcante.

Mantenha-se Viva foi provavelmente meu conto preferido do livro. Apresenta a história de Lavínia, uma garota inteligente que acaba de passar na faculdade de Arquitetura e Urbanismo mas na hora começa a repensar se é isso que quer para sua vida. Após terminar seu namoro de anos e convencer seus pais, parte para Búzios com a intenção de repensar sua rotina e tirar um tempo para si própria. Lá conhece uma pessoa muito especial que a ajudará nessa fase.

Com muitas doses de amor próprio, reflexão e crítica ao senso comum de nascer, casar e fazer uma faculdade, Gabriela Freitas cria um enredo onde o que se destaca é o crescimento e mudança de uma protagonista que estava totalmente confusa, apenas seguindo o que os pais queriam que ela seguisse e não o que o seu coração pedia. A história me fez sorrir diversas vezes e quase chorar com os relatos de Lavínia sobre o que tanto a impedia de ser realmente feliz.

Pôr do Sol, o último conto vai nos apresentar a história de Sol, uma protagonista totalmente controladora, daquela que planeja cada passos da sua vida com listas. De inicio, considerei a protagonista um tanto chata mas foi maravilhosos ver a transformação ao longo do enredo. Essa mania de ter tudo nas mãos começa a mudar quando recebe uma mensagem anonima que foi enviada a ela por engano. Mal sabe Sol que isso irá mudar tudo.

Thaís Wandrofski cria uma história onde a mensagem de se deixar levar um pouco pelos acontecimentos prevalece. Adorei o quanto a história apresenta um desenvolvimento pessoal de Sol e o quanto ela aos poucos, começa a deixar um pouco de lado sua vida planejada e passar a curtir suas férias verão verdadeiramente e principalmente o quanto a protagonista ajuda aqueles que estão ao seu redor.

O que posso dizer sobre esses três contos é que todos conseguiram me fazer repensar sobre muitas coisas na minha vida. Houve um equilíbrio muito bem planejado, já que tinha o personagem que não tinha ambição nem algum plano sobre sua vida, de outro lado tinha uma garota que tinha tudo planejado pelos pais; uma faculdade para prestar na sua frente mas logo se deu conta de que não era isso que queria e por fim, uma personagem que planeja cada segundo do seu dia esquecendo-se de aproveitar o presente. Então são história que falam sobre planos, sobre crescimento e desenvolvimento pessoal e principalmente sobre se abrir para novas oportunidades, de aproveitar o momento e entender que o mundo tem muito a nos oferecer.

Tudo isso com o verão como plano de fundo e com lindos romances que irão te tirar suspiros. O mais legal é ver que são histórias cotidianas, histórias que parecem reais e que será possível muitos leitores se identificarem já que conta com rotina, angústias, paixões e dúvidas sobre a vida. Não preciso nem ressaltar aqui o quanto vale a pena a leitura de cada conto e deixo meus parabéns não só aos autores que criaram história tão lindas e reais mas também à editora por caprichar lindamente nessa edição que está destacada na minha estante.

Poderá gostar também de

18 comentários

  1. Olá, olha gostei das contos, eles parecem se complementar entre si e seus enredos nos remetem a prórpia vida real. Muito bom! Bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem? Gostei de ser um livro "três em um". Gostei muito de Quando os infinitos se encontram. Parabéns resenha, beijos.

    ResponderExcluir
  3. Eu gostei do livro, mas eu não gosto de contos. Não sei porque, não é um estilo que me pega na hora de ler. Não acho que vai ser um livro que eu vou gostar tanto assim de ler.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Adoro colaborações, adoro esses livros de contos que podemos ler vários autores e como eles tratam um tema de forma diferente. É legal que também conhecemos melhor a escrita do autor. Adorei a dica, e quero muito ler, arrasou da resenha parabéns.

    ResponderExcluir
  5. Oiii tudo bem?
    Eu realmente adoraria realizar a leitura desse livro, não pensaria duas vezes e aceitaria, a Faro a cada dia se supera e me encanta com suas novidades, dica anotada. Estou precisando de um romance <3
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. oi. não conhecia o livro e me parece ser bem juvenil, no entanto, adoro contos e não conheço a escrita dos autores, acredito que devo ler, vai que curta, né?!

    ResponderExcluir
  7. Oieee!

    Mulher eu já tinha visto esse livro por aí, só não tinha parado pra saber sobre o que era. Não imaginei que fosse contos. Eu até que curti a histórias dos três, talvez eu coloque na wishlist.

    Valeu pela dica!

    ResponderExcluir
  8. Oi Catharina, já conheço o livro, e quer coisa melhor que o verão para os romances??? Adorei a proposta dos contos, e já tenho ele anotado para leitura.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Cath!
    Pelo visto o livro é bem bacana, ainda mais sendo de contos - amo livros desse gênero. No entanto, não me senti tão ligada a obra, sabe? Acho que por ser um tanto clichê, sei lá.
    Mas não descarto a possibilidade de conferir algum dia, já que seus comentários foram bem positivos.

    ResponderExcluir
  10. OLá Cath, tudo bem?
    Num primeiro momento essa obra ja tinha me chamado a atenção, sua resenha só veio confirmar o quão legal é a leitura. Três histórias com o plano de fundo é maravilhoso.
    Dica super anotada
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oiie!

    Estou doida para ler esse livro!! E sua resenha me deixou com mais vontade ainda!!

    Beijos!

    http://leelerblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bom?
    Ainda não conhecia esse livro e achei a capa bem bonita. Fiquei interessado em ler, gostei das premissas dos contos, mesmo sendo algo mais pro romance. Gosto desse tipo de livro, apesar de não ler tanto. Adorei a resenha.
    Até mais o/

    ResponderExcluir
  13. Olá! Esse livro parece ser muito bom. Gostei da sua resenha e da sinopse. Linda capa, bem simples e colorida. Logo que tiver oportunidade estarei lendo também. super bjoooo

    ResponderExcluir
  14. Hey, Catharina!

    Que delícia de resenha!
    Você descreveu tão bem cada conto, que eu, que nem gosto muito de contos, fiquei morrendo de vontade de conhecer mais de cada uma dessas histórias.
    Estou super curiosa! Se tiver a oportunidade, vou querer ler esse livro, sem dúvidas!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem?
    Ah ameeeei a sua resenha ♥ E quero muito esse livro, a edição está um luxo de tão linda!!!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  16. Achei bem legal a forma em que a narrativa é feita, tudo no tempo certo e de fácil entendimento o que me conquistou ainda mais.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  17. Oie, tudo bem? Não sou muito fã de contos, mas estes três parecem ser leves e divertidos de ler, fiquei interessada. Deve ser bom pra sair de uma ressaca literária.

    ResponderExcluir
  18. Olá Cath!
    Que capa linda! O compraria só por causa dela, pra ter aqui na estante... rsrs.
    Você descreveu os contos tão bem, fiquei super curiosa para conhecer a obra, obrigada pelas dicas.
    Adorei a resenha.
    Abraços**
    http://FebredeLivro

    ResponderExcluir

Seguidores no G+

FANPAGE

Veja também