Prisma Literário: Resenha: Ela Foi Até o Fim - Meg Cabot

Resenha: Ela Foi Até o Fim - Meg Cabot

Sinopse: Lou Calabrese é uma roteirista de sucesso - já escreveu vários roteiros de ação que renderam milhares de dólares de bilheteria e até ganhou um Oscar! O problema é que seu namorado, o grande astro do filme, resolveu deixa-la pela estrela principal, e agora lhe resta provar que conseguirá passar por tudo para esquecê-lo. O que ela não esperava é que esse "tudo" significasse atentados contra a sua vida e sobreviver numa montanha congelada com o homem que mais odeia na face da Terra como único companheiro... Será que ela vai sobreviver a está aventura? E será que, no final, encontrará o verdadeiro amor?









Ela Foi Até o Fim nos apresenta em terceira pessoa, a história de Lou Calabrese, uma roteirista ganhadora do Oscar. Apesar de isso parecer magnifico, não é tanto assim, já que o ator do principal do roteiro é seu namorado, ou era até ele abandona-la pela atriz coadjuvante do filme que fez muito sucesso nas bilheterias.

Após Lou ser abandonada, ela só está querendo seguir em frente e escrever um novo roteiro, mas seus planos acabam não dando tanto certo quando ela se depara com Jack, ex namorado da atriz que agora está namorando seu ex (confusão né?). Jack já havia estrelado um filme que Lou escreveu, mas os dois se odeiam desde que Jack mudou uma fala do roteiro escrito e essa fala fez o maior sucesso no cinema.

Os dois não tem um relacionamento muito legal, porém, irão trabalhar juntos mais uma vez em um novo roteiro que Lou escreveu e Jack será a estrela, assim os dois entram num helicóptero juntos e acabam sofrendo um acidente, apesar de saírem vivos, terão que lidar com a convivência um do outro até aparecer um resgate no meio de muita confusão e loucura.

Gente, eu sou apaixonada pela Meg Cabot desde sempre, foi uma das primeiras autoras que tive contato ao ler a coleção O Diário da Princesa. De fato, só conhecia os livros mais juvenis dela, esse foi meu primeiro contato com a linguagem mais adulta da autora e só posso dizer que ela superou minhas expectativas.

O livro apesar de narrado em terceira pessoa, nos passa uma conexão muito grande com o casal principal e com certeza Meg soube passar toda a ligação dos dois de forma sexy e atraente. É um livro previsível e despretensioso mas que nos trás muitos suspiros, risadas e agonia.

O livro conta com uma dose de ação, o que é novo para mim quando se trata de Meg Cabot, porém, o mais surpreendente foram as partes mais hots do livro, que ficaram muito legais e bem escritas, e olha que sou bem chata para esse gênero, Meg soube coloca-las no momento certo, sem exagero e de forma leve.

O final do livro é típico, porém, muuuito legal e gostoso, daqueles que te fazem sorrir e suspirar por horas ao lembrar. É um livro totalmente recomendado para quem quer uma leitura simples e rápida, principalmente aos fãs da autora que querem conhecer uma escrita diferente, vale muito a pena.

37 comentários:

  1. Olá
    Ainda não li nada da autora, conheço o Diários da Princesa pelo filme, e como não era meu perfil nunca me preocupei em ir atras dos livros. Mas de uns tempos para ca tenho interesse de ler coisas divertidas entre uma leitura e outra e seria bem legal conhecer algo da autora.
    Beijos

    www.poyozodance.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá Catharina,

    eu ainda não tive a oportunidade de ler algum livro da Meg Cabot, mas pelo o que minhas amigas falam, ela é uma autora de mão cheia. Eu gostei muito da sua resenha, pretendo ler em breve alguma obra dela. Adorei seu blog e me inscrevi nele como Saga, se puder retribua por gentileza em: www.sagaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oiii, tudo bem?
    Eu nunca tive oportunidade de ler um livro da Meg Cabot, porém eu não sei se leria no momento, a história da obra não me agradou muito não :( pularia a dica da vez.
    Beijão

    ResponderExcluir
  4. Olá :)
    Não conhecia o livro mas achei a premissa bem interessante ;) Nunca li nada da autora mas se for atrás de algum livro dela talvez comece por esse ai.
    Abraço
    http://interessantedeler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Catharina, Adorei a resenha.
    Nunca li nenhum livro da Meg Cabot, apesar de ter muita curiosidade para conhecer a autora. Só de ler a sinopse já fiquei curiosa para saber porque ela foi parar numa montanha congelada e porque tentaram matar a coitada! rsrsrs
    Depois (graças a Deus) você matou minha curiosidade explicando bem a situação. Gostei de saber que ela havia escrito "O Diário da Princesa", não sabia disso! Quem sabe essa possa ser o meu primeiro contato com os livros da MEG.
    Beijos
    Blog Relicário de Papel
    relicariodepapel.wordpress.com

    ResponderExcluir
  6. Não gosto muito de romances, talvez por isso nunca li algo da autora, mas quem sabe um dia eu não arrisco? Sua resenha ficou ótima, parabéns!

    pegueumaxicarablog.com

    ResponderExcluir
  7. Oinnn....
    To precisando de uma leitura dessas, viu!
    Gostei muito da premissa, apesar de não ser fã da autora. Talvez seja pela dose de ação que você mencionou ter no enredo. Afinal isto não é típico das obras da Meg.
    Gostaria de ler este livro.

    Beijinhos...
    http://estantedalullys.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    Da Meg eu só li os dois primeiros da Rainha da Fofoca (recomendo). Porém, acho que leria esse só para sair da zona de conforto, porque há tempos que não leio nada do gênero.

    ResponderExcluir
  9. oie, um livro bem diferente para Meg. Acredito que ela soube contar bem essa história dos dois.
    Apesar de previsivel com toda certeza imagino que seja um livro muito bom de ler.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  10. Eu acho que a Meg é uma autora super versátil, mesmo só tendo lido os três primeiros livros da série iniciada por Tamanho 42 não é gorda (conhece?), onde ela me surpreendeu pela trama divertida e com suspense ao mesmo tempo. Espero poder ler "Ela foi até o fim" em breve e espero gostar também.

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bom?
    Meg é Meg né? ♥ Acho que ela consegue escrever para todas as idades e isso a torna ainda mais fantástica. Eu li alguns livros dela, mas esse eu ainda não li. Mas espero gostar tanto quanto você, acho que estou meio velha para livros da Meg, não tenho dado sorte com eles ultimamente, mas vou me arriscar, quem sabe não acerte dessa vez né?

    Beijos, Rob
    www.estantedarob.com.br

    ResponderExcluir
  12. A escrita da Meg é juvenil e engraçadinha, já conheço e confesso que até curto, o livro em questão segue o perfil da autora, divertido, se tiver oportunidade, lerei.

    ResponderExcluir
  13. Oioi!
    Adoro os livros da Meg Cabot, mas nunca ouvi falar de Ela Foi Até o Fim.
    E pela capa parece que é mais antigo mesmo.
    Que legal que o livro tem uma jeito mais adulto diferente do que costumamos ler.
    Adorei a resenha e deu mta vontade de conehcer.
    Beijos!

    Livros e Sushi • Facebook InstagramTwitter

    ResponderExcluir
  14. Oie! Reconheço a fama de Meg Cabot, mas nunca li nada da autora (que vergonha ç-ç). Sua resenha me chamou bastante a atenção para esse livro e o que mais me atraiu a ponto de desejar a obra foi saber sobre o acidente de helicóptero. Fiquei louca para saber o que acontece com os dois depois. Já coloquei na minha estante no Skoob e tratei de procurar para troca. Preciso ler! *O* Eu também costumo ser bem chata quando se trata de cenas mais quentes pelo motivo de não gostar de obras com isso, mas é bom saber que a autora trabalhou bem com isso. *-* Sua resenha ficou fantástica. Anotei a indicação! ♥

    Beijos,
    Fernanda F. Goulart,
    Império Imaginário.

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    O único contato que tive com a Meg foi através de O Diário da Princesa (o filme) e do conto 'A Filha da Exterminadora', presente no livro de contos de terror ''Formaturas Infernais'', que reúne outras grandes autoras como Stephenie Meyer e Lauren Myracle.
    Mas preciso confessar que o livro não me atraiu muito. Não faz o tipo de livro que curto ler.
    Abraços!
    http://blogladoescuro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Diferente da senhora, não li nenhum livrinho da Meg e minha paixão de primeiros livros lidos é John Grisham.
    Achei interessante essa resenha pq você é bem sincera, eu não curto livro Hot então acho que ia achar essas partes bem desse estarias haha, mas a história ser adulta e tal, tbm não era algo que eu soubesse sobre a Meg. Enfim. Parabéns eu adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  17. Não ando com vontade de ler romances nos últimos tempos, mas gosto muito da Meg, então vou anotar a dica mesmo assim. Afinal, as vezes bate aquela vontade de pegar uma leitura mais leve.

    Bjs.

    www.ciadoleitor.com

    ResponderExcluir
  18. Oi!
    Amo os livros da Meg, mas fiquei um pouco decepcionada ao descobrir que esse tem cenas hot. Não gosto desse tipo de história. Se não fosse por isso leria com certeza.
    Beijos

    http://tudoqueeuli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Oi Cat, eu ainda não conhecia essa obra da Mag, não li nada dela ainda, mas vou começar um nesse próximo mês. Sempre vejo ótimas críticas em relação à suas obras, estou empolgada.

    Abraços
    Literaleitura

    ResponderExcluir
  20. Olá Catharina.
    Nunca li nada da Meg, mas tenho vontade de ler O Diário da Princesa.
    Adorei sua resenha e fiquei curiosa com essa história. ^^

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Catharina, acho que nunca li nada da Meg Cabot, mas tenho muitaaaaa curiosidade.
    E amo essa coisa clichê e despretensiosa.
    É o tipo de leitura que gosto.
    Espero poder ler.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  22. Ainda não tive a oportunidade de ler nada da Meg e para ser sincera não tenho tanta vontade em ler, ja tinha visto uma resenha sobre este livro , e pela premissa não despertou muito meu interesse sabe , enfim acho que não estou num bom momento para este tipo de livro...

    ResponderExcluir
  23. AMOO ESSE LIVRO!! É um dos casais que mais curto nos adultos da meg, eles são doces e sarcásticos na medida certa. Apesar de a cena da barra de amendoim ainda ser nojenta hahahaha. Adorei a resenha e relembrar de quando fiz a leitura *-*

    ResponderExcluir
  24. Meu comentário se resume a Meg <3. Ainda não li esse livro, mas concordo com o que disse sobre a autora e com como ela consegue nos conectar com personagens, colocar cenas hots sem ficar demais, falar de ação e ser um chick-lit despretensioso. Faz tempo que não leio nada dela, acho que esse é um bom livro pra voltar, né?

    Adorei o post!

    Bjs, Cass | www.livroseoutrascoisas.com.br

    ResponderExcluir
  25. Li apenas um livro da Meg, mas tantos elogios à autora me animam a conhecer as demais obras dela. Gostei muito da resenha e me interessei mais ainda pelo livro que, confesso, eu não dava muita coisa.

    ResponderExcluir
  26. Muito namorado, ex namorado, atual do ex, ex do ex....rsrs. Não curti o enredo, eu não sou fã de romances e são pouquíssimos que chamam minha atenção. Fica para uma próxima dica...
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  27. Oi Catharina!
    Esse foi o livro que me fez ficar fã eterna de Meg Cabot. Ao contrário de você, conheço pouco a obra dela juvenil e já li muito do adultos, e são muito bons, mas poucos superam Ela foi até o fim.
    Bjs!
    Quem Lê, Sabe Porquê

    ResponderExcluir
  28. Olá, tudo bom?
    Juro que eu achava que a mulher da capa estava flutuando haha depois que eu fui prestar atenção. Eu acho que só li um livro de Meg Cabot, daí eu não sou uma fã dela, mas eu acho bem interessante que ela é uma autora versátil! Ela não escreve somente um tipo de livro e isso é maravilhoso e é o que eu admiro nela. ótima resenha :D
    bjs
    www.horadaleitur.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  29. Olá!

    Eu ainda não li esse livro da Meg, achava que ela escrevia livros maia adultos so com o pseudônimo de Patricia Cabot. Estou surpresa de saber que este livro é mais adulto, apesar dastoria parecer clichê com os dois perdidos esperando um resgate, me deixou com muita vontade de ler, pois sei que Meg tem o talento de fazer tudo ser bom de ler e muito original a sua própria maneira de ser. Dica anotadissima, para ler quando puder!


    Beijinhos!
    Cantinho Cult

    ResponderExcluir
  30. Olá.
    Eu gosto muito dos livros da Meg, mas ainda não li Ela foi até o fim, a primeira série que eu li foi A Mediadora e depois A rainha da fofoca, espero ler esse livro sim e gosto das confusões de suas personagens. Mesmo sendo uma escrita mais adulta aposto que ela vai me conquistar, não tem um livro dela que eu li e não gostei.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  31. Su apaixonada pela autora e seus livros e sinto muita vontade de ler esse! Sua resenha só me lembrou e me deixou mais ansiosa para ler hahah, amei!!

    ResponderExcluir
  32. Olá! Não gostei muito da premissa do livro, não conheço muito os livros da Meg Cobot, mas sei que ela é uma autora de grande sucesso, apesar de o livro não ter me interessado muito, sua resenha esta ótima.
    Abraços!

    cafelivrosseries.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  33. Eu tenho algumas leituras da Meg feitas, mas são todas de gêneros diferentes. Nunca li nada dela que fosse desse gênero, mas é uma autora que eu não tenho medo nenhum de pegar pra ler.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  34. Olá!!!
    Eu não conhecia esse livro da Meg e eu amei a história!!! Fiquei curiosa de verdade.
    Anotei a sua dica já.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  35. Oi *--*

    Sabe que nunca li esse livro mas amo as obras da Meg, nem sabia do que se trava esse livro e lendo sua resenha vejo que perdi muito. Adoro romances e por mais que seja cliche tenho certeza que me apaixonaria.

    Bjos
    rillismo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  36. Cat lindona eu adoro a escrita da Meg sempre tão versátil, adorei saber que as cenas hot ficaram ótimas, a premissa do livro me chamou muita atenção, gostei da capa e os pontos positivos destacados em sua resenha deu mais destaque ao livro. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
  37. Oiee,
    Eu nunca li nenhum livro da Meg Cabot e nem sei que gênero ela escreve, mas alguns amigos meus estavam me indicando uns livros dela em inglês para ler.

    Abraços!
    http://lendocomobiel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

LAYOUT E PROGRAMAÇÃO POR SHAIRA FOTO E DESIGN
imagem-logo