Prisma Literário: Resenha: Arma de Vingança - Danilo Barbosa

Resenha: Arma de Vingança - Danilo Barbosa

Oi leitores.
Bom, acho que já devem ter percebido que ando beeem desaparecida, pois é, infelizmente, minha vida está bem corrida e e como já disse, estou sem computador, então, o blog irá focar meio desatualizado por uns tempos, peço desculpas para todos os parceiros pelas demoras na resenha e tudo mais, mas fiquem tranquilos, que aos poucos tudo volta ao normal, espero eu.
Obrigada, e confiram a resenha ;)
PS: Resultado da Promoção O JOGO PERFEITO sai hoje na página do blog no facebook, então fiquem de olho por lá e estarei mandando um e-mail ao vencedor

Sinopse:
Como uma deusa cruel e vingativa, destruirei todos que estiverem em meu caminho... O que você seria capaz de fazer por vingança? Suportaria uma vida cercada de mentiras, traições, dores, crime e morte? Ana sobreviveu. Pagou o seu preço com marcas que o tempo nunca será capaz de apagar. Deixou para trás toda a inocência de criança para dar lugar a uma mulher fria e calculista, disposta a ser a perfeita arma de execução contra aqueles que tentaram destruí-la. Para conseguir os seus objetivos, não terá limites: irá mentir, enganar, seduzir e trair... Sem remorsos ou pena daquele que um dia julgou amar. Prepare-se para ouvir a história de Ana. Caminhe na tênue linha entre a paixão e a obsessão e veja como até os príncipes encantados tem o seu lado sombrio. Afinal, esta não é uma história de amor.

*Livro cedido pelo autor para resenha.


Em Arma de Vingança, Ana, a protagonista, ira narrar para gente a sua história. Uma história bem diferente do que estamos acostumados a ler e conhecer na literatura, diria que até mesmo surpreendente. Ana é uma sobrevivente. Depois de se envolver com um cara errado, passa a conhecer um novo, mas ela mal imagina que o homem que é o "amor de sua vida", é na verdade uma pessoa fria, calculista, marginal e desprezível.
Ana se envolve totalmente com Ricardo, mas aos poucos, vai percebendo que as coisas não estão sendo como ela imaginava que seria ao lado dele.

Bom, eu não sei bem o que posso contar depois disso, pois imagino eu que será spoiler e não quero ser xingada e odiada, então, paramos por aqui.
Ana é uma personagem como outra qualquer, bonita, carinhosa, com alguns amigos ao redor e um emprego estável. Mora sozinha em seu apartamento e está tentando se recuperar de um trauma que seu ex namorado deixou marcado nela, de diversas formas, então, ela cria um medo de se envolver, mas esse medo se quebra assim que avista Ricardo.

"Conversamos sobre tudo e sobre nada. Traçamos palavras e pensamentos iguais. Era como se naquela tarde as palavras acabassem com a distância, sanasse os medos e os desejos presentes em nossos corpos."

Na minha opinião, o romance que se incia com Ricardo acontece tudo muito rápida, pois assim que ela o vê, já está praticamente apaixonada, então, não gostei muito disso no livro, achei um pouco exagerado da parte da protagonista.
Em alguns momentos, temos a narrativa de Ricardo, o que achei totalmente essencial para deixar a leitura mais emocionante. Não só de Ricardo como também de outros personagens, apesar de rápidas, foram bem colocadas.



O livro fala sobre diversos assuntos abertamente, desde estupro, violência, sexo, amor e principalmente vingança. É um livro forte, com temas fortes, então, não sei se recomendaria para qualquer um ler, se você não gostar de livros que envolvam palavras chulas, com violência, sangue e tudo mais, passe longe desse livro.

"Minha verdadeira história de terror ainda não havia terminado. Eu ainda reencontraria Ricardo mais duas vezes. E, a partir destes encontros, eu seria uma nova pessoa, um ser sedento de sangue e fúria."

É incrível ver a mudança da personagem durante a história, e conseguimos de uma certa forma, entender o lado dela. Pois só quem leu sabe o quanto a fizeram mal, então, sua mudança não poderia ser diferente e mesmo que de uma forma ruim para o psicológico dela, foi bom vê-la dando a volta por cima. Ela não se encolheu e deixou passar como algumas pessoas medrosas fariam, ela enfrentou o medo por vingança. Ao mesmo tempo em que achei triste, achei meio que justo, é bem difícil saber o que pensar nessas horas.

Gostei muito do livro, o autor soube me envolver bastante nas páginas, eu lia morrendo de curiosidade para o fim, para saber o que iria acontecer com cada personagem, e foi muito legal ter uma leitura diferente, fazia tempo que não lia nada assim, acho que nunca li na verdade e adorei a experiência.

"Não sou mais de sofrer por pequenas coisas. O nosso futuro somos nós mesmos que fazemos, com as vantagens e consequências de cada ato. Ao contrário de muita gente, não optei pelo "felizes para sempre".

A diagramação está ótima, eu adorei essa capa. E o livro por dentro está também muito bem detalhado, escrito, desenhado e com ilustrações a cada começo de capítulo. Edição muito bem feita pela editora, está de parabéns.

2 comentários:

  1. Eu estou com receio de ler esse livro. Não quero que seja um romance, mas pelo o que ue li na resenha não é um romance, mas mesmo assim... bom, darei uma chance a ele.

    The Lord of Thrones

    ResponderExcluir
  2. uau fiquei mega curiosa! :O
    Não conhecia o livro, parece ser daquele que prendem a nossa atenção!

    Beijos
    tamigarotaindecisa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

LAYOUT E PROGRAMAÇÃO POR SHAIRA FOTO E DESIGN
imagem-logo