Tag: Eu li... e chorei!

14:53




Bom, vi essa tag no blog livrosechocolatequente e resolvi trazer para cá, pois gostei muito dela. A tag é basicamente citar os livros que você leu e chorou. Afinal, quem nunca fez isso?

Em primeiro lugar, com certeza:

1. A Culpa é das Estrelas - John Green



Sinopse:
A culpa é das estrelas narra o romance de dois adolescentes que se conhecem (e se apaixonam) em um Grupo de Apoio para Crianças com Câncer: Hazel, uma jovem de dezesseis anos que sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões, e Augustus Waters, de dezessete, ex-jogador de basquete que perdeu a perna para o osteosarcoma. Como Hazel, Gus é inteligente, tem ótimo senso de humor e gosta de brincar com os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas.Inspirador, corajoso, irreverente e brutal, A culpa é das estrelas é a obra mais ambiciosa e emocionante de John Green, sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar. 










2. Para Sempre - Kim Carpenter, Krickitt Carpenter






Sinopse: 
A vida que Kim e Krickitt Carpenter conheciam mudou completamente no dia 24 de novembro de 1993, dois meses após o seu casamento, quando a traseira do seu carro foi atingida por uma caminhonete que transitava em alta velocidade. Um ferimento sério na cabeça deixou Krickitt em coma por várias semanas. Quando finalmente despertou, parte da sua memória estava comprometida e ela não conseguia se lembrar de seu marido. Ela não fazia a menor ideia de quem ele era. Essencialmente, a "Krickitt" com quem Kim havia se casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava.









3. A Vida na Porta da Geladeira - Alice Kuipers




Sinopse:
Claire, de 15 anos, e sua mãe têm uma rotina muito atribulada. Nos raros momentos em que a mãe está em casa (ela é obstetra), a filha está na escola, com amigos ou com o namorado. Resultado: as duas quase não se veem e se comunicam deixando recados na porta da geladeira. Esses recados vão desde cobranças banais [Oi, MÃE! (Que eu NUNCA MAIS vi!)] até revelações tocantes e contundentes por parte de mãe e filha durante o penoso tratamento do câncer de mama da mãe, num ano que se revelará decisivo para as duas. Em seu romance de estreia, Kuipers capta a ansiedade por trás da tragédia e revela a importância de viver a vida intensamente, lembrando ao leitor a necessidade de encontrarmos tempo para as pessoas que amamos mesmo em momentos de dificuldade e desafios.








4. O Melhor de Mim - Nicholas Sparks



Sinopse:
Na primavera de 1984, os estudantes Amanda Collier e Dawson Cole se apaixonaram perdidamente. Embora vivessem em mundos muito diferentes, o amor que sentiam um pelo outro parecia forte o bastante para desafiar todas as convenções de Oriental, a pequena cidade em que moravam. Nascido em uma família de criminosos, o solitário Dawson acreditava que seu sentimento por Amanda lhe daria a força necessária para fugir do destino sombrio que parecia traçado para ele. Ela, uma garota bonita e de família tradicional, que sonhava entrar para uma universidade de renome, via no namorado um porto seguro para toda a sua paixão e seu espírito livre. Infelizmente, quando o verão do último ano de escola chegou ao fim, a realidade os separou de maneira cruel e implacável. Vinte e cinco anos depois, eles estão de volta a Oriental para o velório de Tuck Hostetler, o homem que um dia abrigou Dawson, acobertou o namoro do casal e acabou se tornando o melhor amigo dos dois. Seguindo as instruções de cartas deixadas por Tuck, o casal redescobrirá sentimentos sufocados há décadas. Após tanto tempo afastados, Amanda e Dawson irão perceber que não tiveram a vida que esperavam e que nunca conseguiram esquecer o primeiro amor. Um único fim de semana juntos e talvez seus destinos mudem para sempre. Num romance envolvente, Nicholas Sparks mostra toda a sua habilidade de contador de histórias e reafirma que o amor é a força mais poderosa do Universo - e que, quando duas pessoas se amam, nem a distância nem o tempo podem separá-las.



5. Soul Love - Lynda Waterhouse



Sinopse:
Jenna não quer trair os amigos e não revelará o que se esconde por trás de sua expulsão do colégio, assumindo toda a culpa sozinha. Como castigo sua mãe a levou para passar algum tempo com uma tia numa tediosa cidadezinha do interior. É lá que Jenna encontra Gabe, um rapaz autêntico, melancólico e reservado. Completamente diferente de todas as outras pessoas ela conhece. É inevitável: Jenna se apaixona por ele. Será que Gabe é sua alma gêmea? Ele mostra a Jenna a beleza de um céu noturno sem nuvens, escuro, um contraste perfeito para o brilho das estrelas. E, em meio a livros, música, poesia e noites estreladas, o sentimento entre eles se torna cada vez mais forte. Mas Cleo, uma garota antipática que tem uma ligação muito estranha com Gabe, não está gostando nada desse romance. Afinal, ela não quer que ninguém mais saiba o grande segredo de Gabe...







Bom, esses foram alguns dos livros que chorei. Comentem aqui o que vocês acharam e quis livros vocês mais choraram. Quem quiser fazer a tag, fique a vontade e não esqueçam de creditar.
Até a próxima.

Poderá gostar também de

10 comentários

  1. Acho que todo mundo chorou com A Culpa é Das Estrelas, ele é um livro lindo e maravilhoso! Nunca li os outros livros, mas espero poder ler um dia!
    Seguindo seu blog, pode seguir o meu? Obrigada (:
    Beijocas,
    Cindy, Livros e Piratas. Visite blog. c:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo, é tudo de bom o livro.
      Leia todos se puder, são lindo, amo eles!

      Visitarei sim, pode deixar ;)

      Excluir
  2. Oie :)

    Que lindo ver a nossa TAG aqui no seu cantinho :D Ficamos muito felizes!

    Nossa, eu estava comentando com a Andressa... Acho que eu fui a única que não chorei lendo A Culpa é das Estrelas kkkkk

    Em compensação, nos livros do Nicholas Sparks choro em todos :( hahaha.

    Beijos Flor!

    Obrigada pela visita no nosso blog e volte sempre!
    http://livrosechocolatequente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah que bom que gostou haha fico muito feliz.

      Eu choro litros com A Culpa é das Estrelas e com os do Nicholas, são os meus favoritos.

      Excluir
  3. Eu também chorei um pouco com Para Sempre. É tão incrível a lição de fé. <3

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É realmente lindo o fato do marido não desistir dela. Amei a história, recomendo a todos.

      Excluir
  4. A Culpa é das Estrelas é realmente tocante. Não achei que esse livro iria mexer comigo desse jeito hhahahaha :)


    http://pergaminholiterario.blogspot.com.br/
    https://twitter.com/lindftaylor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem eu viu kkk fiquei emocionada e hoje é o meu favorito.
      Beijos

      Excluir
  5. Oi Cath (me sentindo a íntima já kkk), tudo certo?
    eu não sei porque e como, mas e tenho atração por livros que nos fazem chorar kkk e gosto de ler quando já estou pra baixo.. as vezes eu leio uma quotes de A Culpa é das Estrelas, só pra ficar mais pra baixo ainda kk sou estranha ;x

    Beijos!
    http://meuvicioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii tudo bom? haha
      Sei bem como é isos, também amo livros que me fazem chorar, me sinto mais dentro da história. E já fiz isso que você fez muitas vezes kkkkk
      Beijos

      Excluir

Seguidores no G+

FANPAGE

Veja também